Categoria: Campos Elísios

Apenas um resultado

  • O Verbo do Arcano Luciferino em Pessoa, Gilberto Lascariz

    0 out of 5
    (0)
    13,00

    Título   O Verbo do Arcano Luciferino em Fernando Pessoa
    Autor  Gilberto de Lascariz
    Colecção Ninho de Víboras
    Formato  17 x 24 cm
    Nº págs  53 + 29 pags. + uma página biface
    Acabamento  Capa mole
    Ano  2014
    Preço  13,00€

     

    GILBERTO DE LASCARIZ nasceu em Caracas, Venezuela, vindo desde muito cedo a viver em Portugal. Formou-se em Direito, na Faculdade de Direito de Lisboa, ao mesmo tempo que seguia Língua e Cultura Sânscrita na Universidade Nova de Lisboa. Desde muito cedo esteve envolvido em várias sociedades esotéricas de caráter rosacruciano e maçónico, tendo tomado votos na Tradição Nyngma-Pa do Budismo Tibetano. A sua envolvência com o Wicca Tradicional na Tradição Alexandriana a partir de 1982, associado ao seu envolvimento com a Antroposofia, despertou-o para a necessidade de desenvolver métodos meditativos e rituais que permitissem uma abordagem esotérica da Bruxaria Iniciática e Neo-Pagã em antítese à sua superficialização New Age. Em 1989 criou em Portugal o Coventículo TerraSerpente de Wicca Alexandriana e lançou a Confraria Sol-Negro, uma organização artística dedicada à renovação estética das artes sob o ponto de vista do esoterismo neo-pagão, na sua aceção evoliana. As suas palestras nas “Conferências do Inferno”, realizadas nos anos 80/90 no Porto, alertaram-no para a necessidade de registar em livro o seu pensamento esotérico e neo-pagão. Publicou os livros Mãe Canibal, O Culto da Bruxaria no Artista e Escritor Austin Osman Spare e traduziu e prefaciou o livro de Ronald Huton, Os Xamãs da Sibéria. Em 1999 criou o Projeto Karnayna, uma organização que visava fornecer instrução esotérica na perspetiva do Neo-Paganismo sendo o primeiro autor a fazer workshops de Wicca em Portugal, tal como é hoje praticado por Janet Farrar e Vivianne Crowley. O magazine francês de cultura gótica Elegy Ibérica considerou-o em 2006 como sendo a figura mais importante do pensamento esotérico neo-pagão em Portugal. Entre as suas obras destacam-se Ritos e Mistérios Secretos do Wicca, Deuses e Rituais Iniciáticos da Antiga Lusitânia, Quando o Xamã Voava e O Verbo do Arcano Luciferino em Fernando Pessoa, impressivo estudo-comentário sobre o conjunto de fragmentos pessoanos O Caminho da Serpente, por nós editado em 2014.
    É também autor do posfácio de O Chamado dos Velhos Deuses, de Nigel Jackson, e faz parte da direção editorial de Mandrágora – O Almanaque Pagão, tendo coordenado a edição de 2009, sob o tema “Usos e Costumes Mágicos da Lusitânia”.

    Obras:

    • 1998 Mãe Canibal
    • 2000 O Culto da Bruxaria: No Artista e Escritor Austin Osman Spare
    • 2006 O Diabo, o Esteta e a Moda
    • 2008 Ritos e Mistérios Secretos do Wicca
    • 2008 Posfácio de O Chamado dos Velhos Deuses: Uma Introdução à Bruxaria Tradicional
    • 2008 Coordenação de Mandrágora: O Almanaque Pagão
    • 2009 Deuses e Rituais Iniciáticos da Antiga Lusitânia
    • 2011 Quando o Xamã Voava
    • 2013 Coordenação de Mandrágora: O Almanaque Pagão 2014, O Caminhos do Wicca
    • 2014 Dançando com a Morte: Cartas e Ensaios de Necrosofia
    • 2014 O Verbo do Arcano Luciferino em Fernando Pessoa
    • 2017 O Dragão e o Graal. A Via de Vénus e a Magia do Sangue na Tradição
    Vista rápida
X